,

Destaques

POSTS RECENTES

Tour Colonial, Gramado: um passeio pela cultura e os sabores da Serra Gaúcha

06 abril 2022
Tour Colonial Gramado

O Tour Colonial, também conhecido como Raízes Coloniais ou Tour Rural, é um dos passeios mais tradicionais de Gramado, passa pelas propriedades das famílias de imigrantes, em sua maioria italianos e alemães, que colonizaram a região. Um Tour que envolve muita cultura e comida boa. Tem que ir!

Apfelstrudel - Caffé Della Nonna Gramado
Delicioso Apfelstrudel do Caffé Della Nonna

O Tour Colonial mais completo é o da Je Hoffmann Turismo, uma empresa que atua a mais de 10 anos na Serra Gaúcha e montou um roteiro exclusivo.

Vinícola Jolimont
Vinícola Jolimont

O diferencial do Tour Colonial com a Je Hoffann é que inclui lugares tanto da zona rural de Gramado quanto de Canela, visitando vinícolas, casarões centenários, museus, fábrica de erva-mate do típico chimarrão e outros lugares. Com direito a muitas degustações, um farto buffet de almoço e para finalizar, um autêntico café colonial. Tudo incluso!


Casa Centenária Linha Bonita Gramado
Casa Centenária - Linha Bonita, Gramado

O passeio dura o dia inteiro, sai dos hotéis em torno das 9h e retorna às 17h30. Custa em média R$240 (varia de acordo com a alta ou baixa temporada e também dos combos promocionais oferecidos pela empresa). Você pode consultar o valor atualizado e fazer o agendamento através do WhatsApp.

TOUR RAIZES COLONIAIS

Ervateira Marcon Gramado
Ervateira Marcon - Linha Bonita, Gramado

A seguir você confere as paradas e a nossa experiência no Tour Colonial, um delicioso passeio que nos leva as origens coloniais da Serra Gaúcha.

1. EMBUTIDOS FAMÍLIA CHAULET

Embutidos Família Chaulet

A primeira parada foi para degustar os embutidos da Família Chaulet, na zona rural de Canela, muito conhecida na região por produzir artesanalmente mais de 30 tipos de salames e queijos.


Família Chaulet Gramado e Canela

Tem até o "salame gaúcho", inspirado nas cores da bandeira do Rio Grande do Sul, que leva pimenta biquinho amarela e azeitona, uma delícia! Eles ainda vendem facas, cachaças, mel, geleias e outras iguarias a preço justo. Aproveite!

2. JOLIMONT VINÍCOLA

Jolimont Vinícola

Ainda em Canela, nossa próxima parada foi na Jolimont, uma das primeiras Vitivinícolas do Brasil, desde 1948.


Vitivinícola Jolimont

Aprendemos que, diferente de uma vinícola, a vitivinícola tem toda sua produção própria, ou seja, não usa nenhuma matéria prima de terceiros, desde o plantio, cultivo, colheita da uva e todos os processos que envolvem a elaboração das bebidas. Cuidados que dão um aspecto artesanal ao vinho.


Vinícola Jolimont

Fizemos um tour na Jolimont para entender melhor todo esse processo, visitamos os lindos parreirais, e claro, degustamos diferentes tipos de vinhos, espumantes e sucos. Se quiser levar vinhos de qualidade para casa, essa é a hora!  

3. ALMOÇO INCLUSO

Restaurante Tempero do Campo Canela

O almoço foi no Restaurante Tempero do Campo, especializado na gastronomia gaúcha com influências das colonizações alemãs e italianas. Fica localizado em Canela, a 350 metros do Mundo a Vapor e anexo ao Hotel Fazenda Pampas.


Restaurante Tempero do Campo

Uma fartura de comida com aquele gostinho de roça, sabe? Polenta, carnes, linguiça, frango, farofa, arroz carreteiro, massas, saladas e muitas outras delícias preparadas no tradicional fogão campeiro.


Restaurante Tempero do Campo Canela

Sem falar na mesa de sobremesas a base de pudim, o típico sagu com creme, ambrosia, compotas de frutas, mousses e outras tentações. Comemos e repetimos de tão bom! Tudo incluso, apenas as bebidas eram pagas a parte. 

4. LINHA BONITA - CASA CENTENÁRIA

Casa Centenária Gramado

Seguimos o Tour pela Linha Bonita, no roteiro Raízes Coloniais muito conhecido na Zona Rural de Gramado por reunir patrimônios históricos e uma geração de famílias que ali começaram a povoar a Serra Gaúcha e que hoje abrem suas portas para mostrar aos turistas seus costumes, produtos, etc.


Carvalho Centenário Gramado

Um dos patrimônios mais importantes é a Casa Centenária da Família Ferrari, um típico casarão do início da colonização de Gramado. Ao redor lindas plantas, um carvalho centenário (dizem que se você abraçá-lo e fizer um pedido, ele se realizará, eu garanti o meu, rs) e uma vida pacata bem diferente da agitação que vivemos hoje nas grandes cidades.

5. ERVATEIRA MARCON

Ervateira Marcon Gramado

Também na Linha Bonita paramos na Ervateira da família Marcon - Natural de Gramado, onde tivemos a oportunidade de conhecer como é produzida a erva-mate, principal ingrediente do chimarrão, uma iguaria que vai além de um hábito, faz parte da cultura e da tradição gaúcha.


Natural de Gramado Ervateira Marcon
Eu experimentando chimarrão pela primeira vez! :)

O legal é que aprendemos a preparar e degustamos um autêntico chimarrão (no primeiro gole achei amargo, confesso, mas depois o paladar acostuma e sai de lá gostando do "tar chimarrão, tchê!"), provamos também as deliciosas frutas secas que eles também produzem.

6. MUSEU DA FAMÍLIA FIOREZE

Museu da Família Fioreze Gramado
Sr Fioreze, foi uma honra!

A próxima parada foi no Museu da Família Fioreze, outro marco da Linha Bonita - Raízes Coloniais pelos objetos colecionados ao longo de muitos por Nelson Fioreze, um senhor de quase 90 anos que nos recebe com muita simpatia e se orgulha em contar a história de cada uma daquelas relíquias.


Museu da Família Fioreze

São peças raras como vitrolas, máquinas registradoras, telefones antigos, utensílios usados por seus país quando chegaram para desbravar essas terras e  outros objetos que a nova geração se quer imagina ter existido.


Tour Raízes Coloniais Gramado

No local funciona ainda um empório com licores, biscoitos, geleias e outros produtos típicos.

7. CAFFÉ DELLA NONNA

Caffé Della Nonna Gramado
A simpática Família Fozz

A última parada foi no tradicional Caffé Della Nonna, onde fomos recebidos pela italianíssima Família Fozz, com música típica, alegria e muuuuita comida boa!


Caffé Della Nonna

Uma mesa recheada de pães quentinhos, recém saídos do forno a lenha, bolos, cucas, Apfelstrudel, biscoitos, salames, queijos, geleias, chás, café, leite, suco de uva, vinhos e outras delícias de um autêntico café colonial. Amamos!


Caffé Della Nonna Gramado

A propriedade da Família Foz é linda, tem ainda um pequeno parreiral e aquele clima gostoso de fazenda, a vontade era ficar o dia todo ali, mas depois da comilança foi hora de pegar a estrada rumo ao hotel.


Caffé Della Nonna

O Tour Colonial com a Je Hoffmann Turismo foi ainda mais legal do que imaginávamos, um verdadeiro passeio pela cultura, tradição e sabores da Serra Gaúcha. Amamos. Tem que ir! :)

Tour Colonial Gramado - Vinícola Jolimonte
Nós duas curtindo a Vinícola Jolimont, durante o Tour Colonial :)

✓ Veja outros passeios imperdíveis e também onde se hospedar e onde comer em Gramado e Canela.

Deixamos vários stories dessa viagem nos destaques do Instagram, acompanhe também nossas páginas do FacebookTikTokTwitter e Pinterest 😘

Experiência em março/2022 Agradecimentos: Je Hoffmam Turismo

Booking.com

Outros Posts:

Gramado e Canela: quando ir, como chegar, etc

O que fazer em Gramado e Canela: 20 dicas

Dicas de hotéis em Gramado e Canela

Passeio Maria Fumaça Gramado - Bento Gonçalves

Ônibus turístico de Gramado e Canela

Onde ficar em Porto Alegre: melhores bairros e hotéis

O que fazer em Porto Alegre: 10 atrações imperdíveis

Porto Alegre: dicas para planejar a viagem


RESERVE AQUI OS SERVIÇOS E NOS AJUDE A MANTER O BLOG:



0 comentários:

Postar um comentário

Dicas de Hospedagem

Gastronomia

 

Siga no Instagram @blogtemqueir