slider

Destaques

POSTS RECENTES

Atacama: Valle de La Luna e de La Muerte, tudo sobre o passeio!

1 de março de 2019
Um dos passeios mais clássicos e imperdíveis do Deserto do Atacama é o Valle de La Luna e de La Muerte. Você vai ver paisagens lindas, esculturas salinas, mirantes, tudo num terreno que lembra muito a superfície lunar. A sensação foi mesmo de estar em outro planeta! 

Neste post, vamos dar todas as dicas de como fazer o passeio, recomendações especiais e contar os detalhes da nossa experiência, confira!! ;)


Valle de La Luna e de la muerte, tudo que você precisa saber!

Valle de La Luna e de La Muerte

Como fazer o passeio: dicas, valores e recomendações importantes.

Nós fizemos esse e todos os nossos passeios com a Daytours4u, uma das empresas de maior credibilidade da América do Sul, além do Chile oferece serviços em diversos países como ArgentinaUruguai, Colômbia e BrasilNo deserto do Atacama os cuidados e alguns detalhes fizeram toda a diferença! Recomendo!

O Valle de La Luna e de La Muerte é ideal para ser o primeiro passeio, quando seu corpo ainda está se adaptando com a altitude, esse não é dos mais altos, em torno de 2.400m, as saídas acontecem a tarde, geralmente as 15h ou 16h e dura aproximadamente 4 horas.

O tour com a Daytours4u inclui traslado do hotel, guia bilíngue e também um kit com snacks (suco, frutas, barrinha de cereal, biscoitos...). O valor é de $42 dólares por pessoa (em novembro/2019). Consulte promoções, valor atualizado e faça sua reserva para esse passeio AQUI.

Atente-se que todos os parques e Lagoas da região são áreas de reservas, administradas por comunidades indígenas atacameñas, para acessá-las é necessário pagar uma taxa (em espécie - pesos chilenos), no caso desse passeio a entrada custa $3.000 pesos (por pessoa em nov/2019).

O passeio é feito de carro, mas há trechos de caminhada, nada com muuuita dificuldade, no grupo conosco haviam pessoas de todas as idades.


Deserto do Atacama

Esteja com calçado fechado, confortável, óculos, boné ou chapéu para proteger o rosto do sol, protetor solar (inclusive labial) e água, sempre!! 

As temperaturas:  como o passeio era a tarde, nas primeiras paradas estava um calorão de uns 30° graus, já no final, depois que o sol se pôs, a temperatura caiu rapidamente e com o vento a sensação ficou em torno de 5º a 10º. Fomos em novembro, mas segundo eles isso não varia muito, independente da época do ano. Então leve sempre um casaco na mochila.

👉Confira AQUI o post com TODAS as recomendações e a lista dos principais passeios no Atacama.

VALLE DE LA LUNA

Vale da Lua, ou Valle de la Luna fica a uns 19 km de San Pedro do Atacama - na área da Cordilheira de Sal, foi declarado Monumento Natural e Santuário da Natureza.

E não poderia ser diferente, formações curiosas, paredões e esculturas desenhadas naturalmente pelos ventos e pelas variações do clima ao longo do tempo. Dá mesmo a impressão de estar na lua ou em outro planeta.


O que fazer no Atacama: Valle de La Luna e de La Muerte

GRANDES DUNAS

Nossa primeira parada foi nas grandes Dunas, fizemos uma caminhada em meio aos paredões de sal e seguimos uma trilha de areia para chegar no topo do Valle.

Valle de La Luna

De la conseguimos ter uma ideia da imensidão do deserto. Ao fundo o Vulcão Licancabur completando o cenário!


Deserto do Atacama: Valle de La Luna e de la Muerte

Deserto do Atacama

Um pouco mais de caminhada e chegamos bem pertinho de uma das dunas gigantes. A vista de lá é incrível, mas não espere um "skibunda", rs , por questões de preservação o lugar é todo demarcado, com áreas restritas que podemos pisar.


Valle de La Luna - Grandes Dunas

TRÊS MARIAS

De volta a Vân, seguimos para conhecer uma das formações rochosas mais curiosas da região, as "Três Marias", dizem que tem a forma de três mulheres. Confesso que nossa imaginação ainda não está assim tão evoluída, rs, mas realmente é muito interessante!


Deserto de Sal, Tres Marias

VALLE DE LA MUERTE

Nossa próxima e última parada foi no Valle de La Muerte, que por seus tons avermelhados e as formações do solo que lembra a de outros planetas foi inicialmente batizado como Valle de Marte, porém por conta de um mal entendido, na tradução do francês para o castelhano, acabou virando Valle de La Muerte e a partir daí surgiram várias lendas em torno do lugar.

Deserto do Atacama, Valle de La Luna

MIRADOR KARI - PEDRA DEL COYOTE

Outro ponto que visitamos foi o "mirante Kari", onde fica a famosa Pedra do Coyote (hoje por segurança o acesso a ela não é mais permitido), de qualquer forma a vista do Mirante é incrível, e com o entardecer ficou ainda mais impressionante!


Valle de La Luna e de La Muerte

Mirador Kari - Valle de La Luna e de La Muerte

Lembre-se de olhar também do lado oposto de onde o sol se poe, você verá o céu de diferentes tons com o vulcão Licancabur ao fundo! Sensacional!!


Deserto do Atacama, Vulcão Licancabur

No total foram 4 horas de passeio, o Valle de La Luna e da La Muerte, foi o primeiro que fizemos e com certeza começamos bem! 

Chegamos no nosso hotel, no centrinho de San Pedro, por volta das 20h, encantadas com os cenários lindos do deserto que vimos nesse dia! Imperdível! Tem que ir!!

Serviços:
Daytours4u
Tour Valle da Lua e Vale da Morte
👉Valor atualizado, promoções e reservas AQUI.

*Essas são nossas experiências e opiniões pessoais. Informações referem-se a data da nossa viagem (Nov/2018). Agradecimentos: Daytours4u


VEJA TAMBÉM:

👉 Deserto do Atacama: Quando ir, como chegar, onde ficar, passeios... tudo que você precisa saber!

👉 Onde comer no Atacama: Pratos típicos, valores e dicas de restaurantes

👉 O que fazer no Atacama: Listamos os passeios imperdíveis!

👉 Santiago: Quando ir, o que fazer, hotéis, restaurantes e mais!

👉 Veja AQUI todas as nossas dicas do Chile


CONTRATE AQUI OS SERVIÇOS E NOS AJUDE A MANTER O BLOG:

Pin It
Nenhum comentário

0 comentários:

Postar um comentário

Dicas de Hospedagem

Booking.com

Gastronomia

 

Siga no Instagram @blogtemqueir