slider

Destaques

4 de dezembro de 2018

SANTIAGO - CHILE: Quando ir, onde ficar, o que fazer, pratos típicos e muito mais!

Cordilheira dos Andes, Santiago do Chile

Vai para Santiago pela primeira vez? Então aposto que, assim como nós, você deve estar cheio de dúvidas né? Qual a melhor época para ir? Preciso de Passaporte? Qual o melhor lugar para se hospedar? Quantos dias ficar? O que tem de legal para fazer?... 

Muita calma nessa hora! Nós já fomos e agora, com muita alegria, vamos dar todas as dicas para te ajudar nestas questões e muito mais! 😉

DICAS PARA A PRIMEIRA VIAGEM AO CHILE:

O país mais estreito do mundo, cercado pela linda Cordilheira dos Andes e o Oceano Pacífico é um dos destinos preferidos dos brasileiros, a capital - Santiago, é a segunda cidade mais visitada da América do Sul, ficando atrás somente de Buenos Aires.

Com promoções de passagens aéreas a todo momento e a facilidade de entrar no país sem muita burocracia e conseguir se virar no "portunhol", faz com que o Chile seja a escolha de muitos para realizar o sonho da primeira viagem internacional, e Santiago, definitivamente, não decepciona!! É umas das capitais mais desenvolvidas da América Latina, um misto de modernidade com patrimônios históricos bem preservados e um ar europeu, influência do seu fundador, o espanhol Pedro de Valdívia.

Rua Paris Londres Santiago - Chile
Barrio Paris Londres, Santiago

Chega de história e vamos as dicas, para começar; se você quiser chegar com a melhor vista da janelinha, a da Cordilheira dos Andes, escolha um assento do lado esquerdo do avião! ;)

DOCUMENTOS PARA ENTRAR NO CHILE:

Assim como em outros países da América do Sul, nós brasileiros conseguimos entrar no Chile somente com o RG ou Passaporte (sem a necessidade de visto, vacinas ou qualquer outra burocracia).

Mas atenção, o RG precisa estar em bom estado! De preferência expedido no máximo há 10 anos, mas o importante mesmo é que esteja em perfeitas condições para que você seja identificado, ou seja, com uma foto recente. Lembrando que não vale CNH, Carteira de Trabalho, da OAB ou qualquer outro documento, apenas RG ou Passaporte. Leve a CNH caso queira alugar um carro.



QUANDO IR A SANTIAGO? Melhor época, clima, alta e baixa temporada!

Santiago é o tipo de lugar que vale ser visitado em qualquer época do ano! Aliás, o Chile, definitivamente não é um país para uma viagem só.

Clima em Santiago
Providencia, Santiago

As estações do ano acontecem nos mesmos meses do Brasil e a melhor época vai depender muito do que você pretende curtir.

Durante o inverno (junho, julho e agosto) faz muuuito frio (graus negativos) e você já deve saber que neva né? Afinal essa é a alta temporada por conta das famosas estações de esqui. Se sua intenção é "brincar na neve" essa é a melhor época! Mas prepare o bolso! rs

Já no verão, principalmente dezembro, janeiro e fevereiro o calor é forte, com temperaturas chegando fácil na casa dos 30°. Ideal para os destinos de praia como Viña del Mar, Valparaíso e nas montanhas, que tem um clima mais fresco, como a belíssima Embalse El Yeso em Cajón del Maipo. Mas essa época também é considerado alta temporada por conta das férias!!

Um meio termo, é no final de março, abril, maio (outono) ou setembro (finzinho da temporada de esqui), outubro e novembro (primavera) quando as temperaturas ficam mais amenas entre 15° e 25°. E as chuvas não são tão frequentes quanto no meio do ano (entre maio e setembro).

Nós somos do tipo que fugimos do frio então, pelo menos nesta primeira vez, escolhemos ir em novembro.

O clima estava ótimo (friozinho apenas no amanhecer e a noite - nada que um casaco leve não resolvesse), céu azul na maioria dos dias, muitas pessoas nas ruas, nos parques e a cidade estava linda e florida por causa da primavera, não poderíamos ter feito escolha melhor!

DIFERENÇA DE HORÁRIO ENTRE O BRASIL E SANTIAGO - CHILE

Fique atento ao fuso horário entre o Brasil e o Chile. Na ida, o horário de embarque que aparece no seu vôo é sempre o horário oficial de Brasilia, na previsão de chegada ao Chile a companhia já calcula essa diferença de fuso e aparecerá a hora local (o tempo de vôo SP - Santiago é de aprox. 4 horas). Na volta, o embarque é sempre no horário local do Chile.

Em Santiago e região eles tem o horário de inverno e o horário de verão:

O horário de inverno geralmente começa na segunda semana de maio e vai até agosto, nesse período o Chile marcará 1 hora a menos que no Brasil.

O horário de verão começa em torno da segunda quinzena de agosto e vai até o início de maio, nesse período não há diferença entre a hora do Brasil e do Chile, exceto quando estivermos no horário de verão do Brasil, daí a diferença volta a ser de 1 hora a menos no Chile.

Providencia, Santiago
Providencia, Santiago

Esse é um assunto que sempre está em discussão e pode mudar a qualquer momento, fique atento, eu costumo consultar a hora certa e as datas de mudança aqui.

Uma curiosidade, os dias em Santiago são longos, quando fomos em novembro, o sol começava a se pôr (como na foto a cima) por volta das 20:30h. 

A CHEGADA EM SANTIAGO - Imigração e opções para sair do Aeroporto:

Bienvenidos - Bem vindos ao Aeroporto Internacional de Santiago - Arturo Merino Benítez (SCL).

IMIGRAÇÃO:

O processo começa ainda no avião, quando os comissários te entregam um formulário para preencher, nele além de suas informações pessoais como nome, número de documento, etc, você precisará declarar na parte SERVICIO NACIONAL DE ADUANA, se está levando mais eletrônicos do que o permitido por pessoa (1 notebook, 1 câmera fotográfica, 2 celulares, ou seja, além do normal que dê a entender que é para comercializar.) e também se está com mais de US$10.000 dólares.

Outra parte importantíssima do formulário é a SERVICIO AGRÍCOLA Y GANADERO, onde você deverá colocar a opção "sí" (sim) se estiver com qualquer produto de origem vegetal ou animal, isso vale para qualquer tipo de farinha, queijos, frutas, grãos, etc, até mesmo uma barrinha de cereal, biscoito ou aquele lanchinho inocente do avião que você guardou para comer mais tarde, TUDO DEVE SER DECLARADO, caso o contrário além de ficar sem o produto, você provavelmente terá que dar mil explicações e estará sujeito a multa. É sério, o Chile é bem rigoroso nisso, então na dúvida coloque a opção "sí" que vai ser tranquilo.

Palácio de La Moneda, Santiago
Palácio de La Moneda, Santiago

Para te ajudar a entender, no geral É PERMITIDO entrar com alimentos industrializados - processados, congelados, cozidos ou em conserva, assim como especiarias, temperos, chás, cafés, mas desde que secos, tostados ou moídos. Bebidas alcoólicas também tem entrada liberada. O que NÂO PODE são alimentos frescos ou crus como frutas, verduras, etc, a lista completa do que é permitido ou não entrar no chile você encontra AQUI

Ahhh antes que você pergunte, cada pessoa (maior de 18 anos) pode sair do Chile para o Brasil com até 12 litros (equivalente a 16 garrafas) de vinhos. ;)

Depois de desembarcar e passar no scanner que verifica as bagagens você deve se dirigir ao Guichê da Imigração (na fila de turista), onde a PDI (Polícia de Investigação do Chile) irá verificar seu RG ou Passaporte, carimbá-lo e te dar uma autorização de permanência no país, chamada de Tarjeta Única Migratória, aparentemente um papelzinho pequeno sem importância, mas atenção, esse documento é solicitado em alguns lugares (como nos hotéis na hora de fazer o check-in) e deverá ser apresentado na saída do país. Se perder terá que enfrentar uma nova fila para imprimir outro, então melhor guardar né!!

COMO SAIR DO AEROPORTO DE SANTIAGO:


Dicas de Santiago, Chile

O Aeroporto de Santiago fica cerca de 25km até o centro da cidade, para chegar ao seu hotel você tem algumas opções:

➜ Translado direto para o seu hotel: Nós optamos por essa tranquilidade e contratamos o Transfer ida e volta junto com todos os nossos passeios com a Sousas Tours, aliás ótima empresa, recomendo!! É uma agência especializada no turismo para brasileiros, foram super atenciosos e eficientes desde o nosso primeiro contato por e-mail.Sem contar que, depois de horas de viagem, chegar no aeroporto e seguir direto, com todo conforto e segurança até a porta do seu hotelahhh é tudo de bom né!? 

Alugando um carro. Clique AQUI para fazer uma cotação e retirá-lo direto no aeroporto.

De táxi ou Uber
O Uber não é oficialmente legalizado na cidade, mesmo assim funciona bem, só que costuma cobrar taxa extra por pedir o carro no aeroporto, também há de se ter cuidado com os táxis, infelizmente já ouvimos relatos de que são muito "espertinhos"na hora de cobrar as tarifas, verifique se é um táxi oficial, que possuí taxímetro, ou negocie antes o valor da corrida, ahh e tenha certeza de que o motorista entendeu o endereço e vá com dinheiro certo para evitar notas falsas na hora do troco.

De Ônibus: É a opção mais barata para ir do aeroporto ao centro ou até alguma estação de metrô mais próxima do seu hotel. Duas empresas realizam o serviço: A Centropuerto e a Turbus, as passagens custam $1.800 por pessoa/trecho. (em Dez. 2018). 

ONDE FICAR EM SANTIAGO:

Assim como a maioria das grandes capitais, Santiago oferece ótimas opções de hotéis espalhados por várias partes da cidade. Cada bairro tem suas características, mas alguns são considerados os queridinhos dos Turistas:

Providencia é um deles, com ruas seguras, movimentada de comércio, restaurantes, casas de câmbio, onde está o moderno Shopping e mirante Costanera Center;

Providencia, Santiago
Vista do Hotel Torremayor Providencia

Bellavista e Lastarria são os bairros boêmios mais badalados da capital;

Vitacura, El Bosque e Las Condes são os mais modernos e "chiques", há bistrôs, o centro comercial Parque Arauco e alguns dos hotéis mais luxuosos da cidade;

No centro você encontra opções de hospedagem mais em conta, estará próximo a importantes pontos turísticos históricos, por outro lado a noite pode não ser tão seguro e agradável para passear.

👉 Confira AQUI o post completo onde falamos mais dos bairros com sugestões de hotéis em cada um deles, incluindo dicas de onde se hospedar em Valparaiso e Viña del Mar (no litoral) e nas famosas estações de esqui Valle Nevado, Farellones e El Colorado.

SANTIAGO - QUANTO TEMPO FICAR E O QUE FAZER:

Santiago tem tantos lugares interessantes para conhecer, fique o máximo que puder!! Mas indico no mínimo 7 dias para conseguir conhecer o básico!

Tempo para visitar os principais pontos turísticos da capital - que são muitos!; ver a cidade do mirante mais alto da América Latina, o SKY Costanera, visitar uma ou várias Vinícolasconhecer as queridinhas do litoral chileno Valparaíso e Vinã de Mar, as famosas estações de esqui na temporada de neve, fazer um dos passeios mais incríveis para conhecer Embalse el Yeso em Cajón del Maipo;

Vinícola Concha y Toro, Chile
Vinícola Concha y Toro

Além disso, você vai querer passear pelos bairros charmosos da capital, os parques, cerros... fazer compras nos shoppings modernos, aproveitar os restaurantes, etc. Definitivamente é um lugar que merece ser apreciado com calma, igual a um bom vinho! ;)

👉 Confira AQUI o post completo onde listamos os principais pontos turísticos, passeios e atrações imperdíveis de Santiago.

SANTIAGO - TRANSPORTE PÚBLICO E COMO FAZER OS PASSEIOS:

Santiago é bem mais segura que muitas capitais brasileiras, uma cidade reta, convidativa para caminhar! 

O transporte público é eficiente, tem metrô e ônibus para praticamente todos os lugares, as passagens custam de $630 a $760 pesos (em média R$ 4,00 - varia conforme o horário), mas para usar o transporte é necessário comprar o cartão “BIP” ($1.550 pesos em nov/2018) nas próprias estações, colocar crédito e passar na catraca na hora de embarcar. Lembre-se o cartão BIP é o único meio de pagamento das passagens. Para mais informações e tarifas atualizadas acesse o site oficial.

O serviço de Uber (embora oficialmente não legalizado) costuma ser mais barato e eficiente que os táxis, já falamos acima, mas não custa repetir que você precisa estar atento a usar esses serviços, infelizmente já ouvimos relatos desagradáveis em relação a troco com notas falsas, percurso errado para ganhar em cima do turista, etc.

Ônibus Hop On Hop Off Santiago
Ônibus Turístico de Santiago 

No geral é fácil chegar na maioria dos lugares, mas como toda grande capital há horários de pico, então é necessário se programar, ter informações para você não acabar se enrolando e perder tempo, algo tão valioso durante a viagem não é mesmo!

Para passeios com agências, faça com uma empresa de confiança para o "barato não sair caro".

Nós fizemos praticamente tudo (transfer e passeios) com a Sousas Tours e foi perfeito do inicio ao fim da viagem: pontualidade, carros novos, passeios com roteiros bem elaborados e um detalhe que fez toda a diferença, a agência é especializada no turismo para brasileiros, então os guias falam um ótimo "portunhol", rs, são atenciosos, divertidos... dá para perceber o quanto são apaixonados pelo que fazem! Recomendo!

Também tem ônibus Hop On Hop Off da Turístik, uma das formas mais legais de passear pela cidade. Confira AQUI informações e nossa experiência.

MOEDA - Câmbio em Santiago:

Pesos chilenos é a moeda local e a melhor forma de pagamento para quase tudo. O nosso Real dificilmente é aceito! O comércio em geral aceita cartões de crédito - "tarjeta", mas lembre-se do imposto - IOF que vai ser somando a sua fatura!

Primeira coisa, deixe para trocar seus reais lá em Santiago, as cotações são bem melhores do que no Brasil.


Centro de Santiago
Paseo Bandera, Centro de Santiago

No aeroporto troque só o necessário porque as melhores cotações mesmo estão nas casas de câmbio que ficam no centro da cidade, especialmente na Rua Agustinas.

Quando fomos, em novembro, a média era de $175 pesos para cada R$1,00.

Também há boas opções no bairro da Providencia, onde tem grande concentração de hotéis e turistas, uma das que oferece melhor cotação é a Câmbio Santiago, na esquina das avenidas Pedro de Valdívia e Providencia, próximo ao Starbucks.

PRATOS TÍPICOS - ONDE COMER EM SANTIAGO:

Que os vinhos chilenos são famosos e de qualidade você já sabe né?! Agora para quem gosta de álcool deve experimentar também outras bebidas bem típicas, como o pisco sour e o Terremoto, para o time dos sem álcool, a pedida é o popular  "mote con huesillos" e os sucos de frutas naturais.

Agora além de beber em Santiago se come muitíssimo bem! O prato mais tradicional é o "centolla" (o caranguejo gigante), além do "pastel de choclo", as famosas empanadas e a "torta tres leches", perfeita para nós, os apaixonados por doces! Muitos pratos vem acompanhados de "palpa" (um creme de abacate, muito comum também nos lanches).

Pastel de Choclo, Santiago
Pastel de Choclo 

Santiago está muito bem servido de restaurantes, pizzarias, lanchonetes, opções para todos os gostos!

👉 Veja AQUI o post completo "Onde comer em Santiago" - onde falamos mais dos pratos típicos, listamos os restaurantes queridinhos dos turistas e nossas melhores experiências!

Cajón del Maipo, Chile
Cajón del Maipo


NOSSAS IMPRESSÕES E OUTRAS DICAS:

Fomos muito bem recebidas por todos! Claro que as diferenças culturais existem! Sentimos que os chilenos são mais "na deles", menos expansivos do que nós brasileiros, que puxamos papo com todos e saímos por aí rindo a toa. Ahahaaaa...

Alguns até se esforçam para entender o português, mas o conselho é estudar umas palavrinhas básicas antes para não pagar "micos" e facilitar a vida na hora de pedir alguma informação nas ruas, nos restaurantes, etc. (Temos um Post que pode ajudar). No final rola um "portunhol" que de um jeito ou de outro a gente se entende e se diverte muito com a situação.

Santiago é uma cidade limpa, bem cuidada, bonita e bem mais segura do que muitas capitais brasileiras, claro que nos lugares muito cheios (como no centro por exemplo) há de se ter cuidado com as "mãos leves", mas nós circulamos tranquilas por todas as partes.

Unimos nesta mesma viagem o Deserto do Atacama, ao norte do Chile, um lugar impressionante de tão lindo, diferente de tudo, uma das melhores experiências das nossas vidas. Confira AQUI as dicas.

Dicas do Chile

Por fim, essa viagem ao Chile foi um sonho realizado para nós! Esperamos de coração que essas dicas te ajudem, e que a sua viagem seja tão maravilhosa e inesquecível quanto a nossa! :) Beijos de Luz. Tem que ir!!

👉 Veja AQUI todas as dicas do Chile.


RESERVE AQUI OS SERVIÇOS E NOS AJUDE A MANTER O BLOG:



*Essas são nossas experiências e opiniões pessoais. Informações referem-se a data da nossa viagem (Nov/2018), portanto podem ser alterados ao longo do Tempo.




0 comentários:

Postar um comentário

Posts Populares

 
Tem que ir ©| Desenvolvido por Onze Web.